Indisponível

Kopke Quinta S. Luiz Vintage 2018

  • VinhaA vinha é disposta ao longo das encostas em patamares horizontais e mais recentemente aparecem as vinhas plantadas segundo as linhas de maior declive do terreno, designadas “Vinha ao Alto”.

  • SoloXisto grauváquico ante-ordovício com algumas inclusões de uma formação geológica de natureza granítica envolvente.

  • Altura110-135 metros.

  • Variedades de Uva50% Touriga Nacional e 50% de uvas provenientes de vinhas velhas

  • EnólogoCarlos Alves

Kopke Quinta S. Luiz Vintage 2018

Detalhes Técnicos

  • Álcool 20%
  • pH 3,5
  • Acidez Total 5.60g/dm3
  • Açucáres Redutores 109 g/dm3
Folha Técnica

Crafting  wine  experiences

Desde  1638

SABOREAR HISTÓRIA COM A MAIS ANTIGA MARCA DE VINHO DO PORTO

O Vintage da Quinta de São Luiz 2018 refete o estilo da Casa Kopke e a excecionalidadedo terroir da Quinta de São Luiz. Viveu um ano vitivinícola marcado por contrastes: um inverno extramente seco e frio e um Agosto e Setembro marcados como os meses maisquentes dos últimos anos. Apesar das elevadas temperaturas no Verão, a folhagem protegeuos bagos do escaldão e a vinha conseguiu extrair do solo a água e os nutrientes necessáriosque permitiram vindimar as uvas com excelente estado sanitário e boa maturação.

O vinho deve ser armazenado num local fresco e seco, ao abrigo da luz e de oscilações de temperatura, devendo a garrafa
permanecer em posição horizontal. Este vinho pode permanecer em garrafa por tempo indeterminado, sem qualquer prejuízo para a qualidade das suas propriedades e do seu carácter. Uma vez aberto, deverá ser decantado e consumido dentro de 1 a 2 dias. Os tempos aqui sugeridos são meramente orientadores, não implicando a deterioração do vinho mas apenas uma lenta evolução que poderá levar à perda das suas características sensoriais originais. Servir a uma temperatura entre 16 e 18ºC.

  • VINIFICAÇÃO E ESTÁGIO Conheça mais sobre o processo
  • NOTAS DE PROVA O DNA do vinho
  • RECOMENDAÇÕES O melhor cenário para disfrutar
  • Colhidas à mão no seu ponto ótimo, as uvas são desengaçadas, esmagadas e vinificadas segundo um processo que assenta numa cuidada maceração com extração de cor, taninos e aromas das películas, complementado por permanentes remontagens durante a fermentação. Esta decorre em lagares, a uma temperatura controlada entre os 28-30ºC, até atingir o grau Baumé desejado. Nesta fase, procede-se à adição da aguardente vínica (benefício), dando origem a um vinho fortificado. Vinho de qualidade excecional, proveniente de uma só colheita, sendo obrigatoriamente engarrafado entre o segundo e o terceiro ano após a colheita. Um vinho originalmente retinto, complexo, encorpado, com notável potencial de envelhecimento.

  • De cor retinta, concentrado, com um nariz fresco e exuberante onde sobressaem notas de fruta negra madura em camadas, este Vintage destaca-se pela sua estrutura e equilíbrio com um tanino bem presente, a marcar o estilo dos Vintages Single Quinta da Casa Kopke. A acidez crocante combinada com as diferentes camadas de fruta fresca tornam este vinho guloso e com um final de boca intenso, que lhe advinha um enorme potencial de envelhecimento persistente.

  • Experimente-o durante a refeição a acompanhar pratos de carnes vermelhas e de caça. Queijos azuis ou de pasta mole, tipo "Serra da Estrela", são igualmente uma excelente associação. A excecional qualidade deste vinho torna-o algo único, digno de ser apreciado sozinho ou na companhia de um agradável charuto.

Faça scroll para ver o/a próximo/a Vinho do Porto

Toque para ver
a próxima garrafa

Kopke Colheita Porto Tawny 2010